Eczema: como se proteger durante as férias?

Algumas dicas para curtir a praia quando você tem eczema, por ocasião do 4º Dia Nacional do Eczema.

O verão está chegando, e com ele as alegrias da praia. Mas quando você tem eczema, são necessárias algumas precauções para aproveitar as férias em paz.

O período de verão costuma ser benéfico para o eczema: a pele é menos seca e a pessoa é menos estressada, daí a redução de surtos. No entanto, é aconselhável se proteger do sol: é melhor não se expor mais de 20 minutos sem proteção. Recomenda-se chapéu, óculos, roupas leves de material natural (linho, algodão).

Bronzear não é proibido. O filtro solar deve ser suficientemente protetor, com um índice de pelo menos 50. Alguns cremes provavelmente causam irritação: é melhor experimentar um canto da pele antes de alinhavar completamente. Ao aplicar, pense em não esfregar muito, mas penetrar suavemente. Os melhores períodos para se bronzear são antes do meio dia e depois das 16h, quando os raios do sol são indiretos.

Limitar o contato com a água

Antes de tomar banho, no mar ou na piscina, pode ser útil trazer um creme de barreira. De fato, o sal da água do mar ou o cloro da água da piscina são irritantes para a pele. Ao se opor a um filme protetor entre a água e a epiderme, o creme de barreira protege contra esse risco. Não é incompatível com o filtro solar, que deve ser espalhado sobre ele.

Após nadar, recomenda-se um banho para evacuar a água do mar ou a água clorada. Evite água quente demais, coceira e fique debaixo d'água por muito tempo. Uma toalha de algodão macio é perfeita para secar - batendo, para evitar irritações.

O eczema é uma condição inflamatória e crônica da pele muito comum que afeta 2,5 milhões de franceses. Pode se manifestar no início da vida (dermatite atópica) ou aparecer na ocasião de uma exposição tardia a fatores alergênicos (dermatite de contato). A Associação Francesa de Eczema dá conselhos em seu site para viver melhor.