Câncer: micro-robôs capazes de tratar tumores

Essas mini-máquinas podem fornecer medicamentos para locais específicos, principalmente no trato digestivo.

Novas tecnologias são ferramentas valiosas para os médicos. No Instituto de Tecnologia da Califórnia, os pesquisadores desenvolveram micro-robôs capazes de tratar tumores.

Ferramentas precisas

"O conceito de micro-robô é realmente interessante", diz Lihong Wang, professor de engenharia médica e elétrica do Instituto de Tecnologia da Califórnia, "porque coloca a micro-máquina exatamente onde é necessária. largar drogas ou realizar microcirurgia ". A ferramenta desenvolvida pelo pesquisador e seu assistente pode tratar tumores presentes no trato digestivo.

Uma máquina composta de várias camadas

O micro-robô tem uma forma redonda e é composto por várias camadas. O magnésio é o principal material utilizado para a fabricação, com ouro e parileno, cobrindo a máquina. O medicamento é então inserido dentro. Para direcionar o micro-robô, os pesquisadores usaram luz laser infravermelha. A técnica permite obter uma imagem do interior do corpo e enviá-la para um computador conectado. Na abordagem do tumor, a ativação das ondas do laser é usada para aquecer o microbotô que liberará os medicamentos, protegidos apenas por uma cápsula de cera.

Por enquanto, testes em animais mostram que a técnica é eficaz, mas os pesquisadores ainda precisam continuar testando.

Encolher tumores

Outras pesquisas estão interessadas neste tipo de tecnologia aplicada à medicina. Em 2018, os pesquisadores conseguiram programar nanobots para encolher tumores em roedores. As mini-máquinas são capazes de bloquear o fluxo sanguíneo ao redor do tumor sem afetar o funcionamento de outros órgãos.